terça-feira, 26 de junho de 2012

Madrinha de casamento

Não tem coisa mais difícil para uma mulher acima do peso do que encontrar roupa para comprar. Entenda bem, eu estou em São Paulo e o que mais tem aqui são lojas especializadas, não é mesmo? Estão enganados. Eu entrei no google e consegui listar umas 10. Destas lojas, apenas 4 prestavam no quesito qualidade dos tecidos, estampas menos chamativas e cortes que não pareciam um pijama desengonçado. Partindo daí fui conhecer cada uma delas. A da galeria Vila Olímpia estava anos luz do meu orçamento, a do Shopping Eldorado tem 1 ou 2 vestidos que satisfazem por 300 reais, a da José Paulino são roupas sem cintura que mais parecem um saco de batatas, e a última não consegui ir porque fica praticamente em outro município.

Quando eu morava em Goiânia era fácil encontrar calças do meu número nas lojas de departamento. Mas por incrível que pareça, a Renner daqui não oferece os mesmos benefícios. Fico indignada. Ontem mesmo liguei para minha mãe pedindo para ela comprar uma calça pra mim, assim, quando a gente se ver, daqui uns 2 meses, eu já teria o que vestir.

Mas, e quando você precisa de uma roupa mais formal, um vestido para ir a um casamento, ou ainda ser madrinha? Antigamente, eu alugava o vestido umas 3 horas antes da festa, lavava os cabelos, fazia um make rápido e ia. Hoje em dia não posso e nem devo me dar esse luxo. Primeiro, confiar que vou encontrar um modelo que me sirva e segundo, porque fica parecendo que não estou dando o devido valor ao evento e posso jurar que dou muito.

Esse ano, por exemplo, tenho 2 casamentos de amigas super queridas para ir. Faz meses que comecei a procurar por passagens mais baratas e ir me programando para viajar para Goiânia. Ontem mesmo recebi um convite lindo da Bethânia e soube que tanto o casamento dela, quanto o da Carol, serão às 10h da manhã. Por isso, para me inspirar, resolvi procurar vestidos que se encaixem na proposta: Dia de Sol, Madrinha, Nude, Haras.











Chato é que nuncaaaa vou achar algum destes para comprar, emprestar, alugar ou sonhar algum dia.

Um comentário:

Um sonho a dois disse...

Gordinha, magrinha, cabelos lisos ou cacheados: vai ser a mais meiga madrinha desse casamento!!!
Obs: pirei o cabeção por esses vestidos que você postou, hehehe... Bjssssssss...