quinta-feira, 10 de março de 2011

O que é bom passa rápido

Ontem me peguei chorando a caminho do aeroporto. Tinha acabado de me despedir do Teteu e me emocionei ao pensar nas pessoas que conheci e infelizmente estava deixando para trás. Teteu Savioli foi um dos responsáveis por toda a ação da Seda e desde o começo foi muito mais do que um amigo. Estava sempre disponível e disposto. E fez muito mais do que o trabalho dele. Sempre bem humorado, parecia aquele primo que você não via há muito tempo, mas que sempre foi o preferido da família, sabe?



A Rafa é a namorada do Teteu. São lindos juntos. Ela é uma jornalista super competente. Ficou mais na dela, por ser tímida, mas me deu altos toques sobre Berrini, onde ela trabalha e minha agência vai se mudar daqui 2 semanas. Quem sabe a gente não se encontre algum dia para almoçar por lá. Seria muito bom, senti que temos muito em comum.



Outra pessoa que estava ajudando o Teteu na ação da Seda, era a Camila. A loirinha aí da ponta. Ela faz o estilo prática e dinâmica. Tudo que eu precisava contava com ela. Desde me colocar em primeiro lugar na fila da maquiagem e cabelo. Até acompanhar a gente na visita ao Pelourinho e um almoço incrível de ensopado de polvo no Sorriso da Dadá.

Pat é a produtora. Ela é de Salvador. Amigona da Ivete. Quase me colocou em cima do trio quando viu como fiquei emocionada ao vê-la pelo camarote. Mas também a vibração que Ivete passa não é coisa para se colocar em palavras. Vale por toda a viagem. Pena que eu estava com passagem marcada e não pude participar do arrastão que acontece na Quarta de cinzas fazendo o circuito inverso: barra-ondina. A Pat é uma mulher forte, decidida, especial. Essa morena bonita aí do lado.

A do meio é a Camila (outra produtora da Bahia) ela quem filmava meus depoimentos e dava dicas culturais. A menina é tradutora interprete. No caso estava traduzindo o baianês pro goiano, rsrs. Mas tem domínio em francês, espanhol, inglês. Pirei,



Outra mulher super carinhosa que nos acompanhou foi a Andréa. Ela estava lá para fazer companhia. Organizar a Van, para hora que eu quizesse voltar ao hotel. Pegar água, refri, abanar contra o calor. Juro, era como uma amiga para te ouvir, conversar, dar palpites. Dava vontade de abraçar muito. Disse que eu era muito animada e que é para eu ganhar outro concurso ano que vem, hehe.



Tive a honra de conhecer uma das blogueiras mais famosas de Recife e seu noivo. Sabe a Anne Hathaway? idênticas. Chique, linda, sem a menor afetação. Super acessível, interessada. Agora vou seguir meninasestupidas.com todo santo dia. Ela quem amarrou a fitinha do bonfim no meu braço e um dos meus pedidos foi voltar a vê-la.






A irmã da Lia foi a acompanhante dela nesta linda viagem. Ambas não conheciam Salvador. Nani, tem apenas 19 anos, é muito bonita mas ainda não sabe. Por causa da timidez não gosta de tirar fotos, mas consegui pegar algumas vezes desprevinida. É uma menina doce, fala baixo, tem uma postura de modelo e é cheia de curiosidade. Vai longe.

A Lia. Cada momento com ela foi muito especial. Ela não precisa de muito para ser linda. Sabe como ninguém combinar roupas com acessórios, a maquiagem, o esmalte. Faz tudo parecer tão simples. A Lia é muito inteligente, tem assunto para qualquer conversa e não é daquelas pessoas antissociais que vivem twitando alheia ao mundo. Seria perfeita no papel de melhor amiga. É espontânea e vê o mundo com os olhos mais bonitos. Posso dizer que conhecer a Lia foi o ponto alto da viagem.



Com estas pessoas me senti super privilegiada, e mesmo não sabendo qual a frase responsável por eu ter ganho o concurso, sei que foi de coração. Ah, obrigada também aos meus 2 seguranças. Chique viu. Chique.

3 comentários:

Um sonho a dois disse...

Muito legal que vc se divertiu e soube aproveitar bem todos os momentos. Delícia de segunda lua de mel!!!
Obs: o blog que vc citou não seria garotas estúpidas da Camila Coutinho de Recife????
Beijos!!!

Rafa disse...

Adorei!
Vamos marcar o almoço por aqui pela Berrini sim. Tenho uns restaurantes bem gostosos pra gente ir.
Beijo

Teteu Savioli disse...

Elleeeen! Muito obrigado pelos comentários, fiquei até emocionado, "prima". rsrsrsrs...Bjão pra vc e pro Alê. Esse post vale mais que dez elogios de chefe! Com certeza nos encontramos por aqui, e espero aquele convite pra comer algo feito pelo Alê depois de Março!