quinta-feira, 5 de julho de 2012

A hora certa

Dizem que o que é nosso está guardado e que na hora certa tudo o que mais queremos irá se realizar. É como se buscássemos a vida inteira pela felicidade ou pelo pote de ouro embaixo do arco-íris (que não deixa de ser uma felicidade com muito mais valor, vamos assumir) e que só conseguiremos alcançá-la com muito esforço, depois de muito foco e determinação.

Eu sempre brinco que é por isso que não ganho na loteria. Como nunca sofri na vida, qual o meu merecimento?
Mas ao mesmo tempo que brinco sobre isto, me questiono:
será que é verdade que todos nós estamos predestinados a sofrer?
só se cresce na dor?
é necessário passar mesmo por tantos obstáculos para atingir a vitória?
temos que ser humildes e começar de baixo para termos direito a um lugar no topo?

Divagando em tantas teorias, busco nas minhas próprias respostas o que me faz seguir a vida, e não apenas empurrá-la com a barriga.

A hora é agora. É uma meta inalcansável para mim, me deixando muito ansiosa. E você sabe que ansiedade só aumenta a barriga, então procuro me manter longe dela. A nossa hora é a gente que faz. E tudo bem se eu quiser deixar para amanhã. Amanhã talvez eu esteja mais apta a realizá-la.

Não se leva dinheiro para o caixão. Ou seja, para que eu me desgastar a vida inteira, trabalhar sem hora para voltar para casa, acumular dinheiro para os meus filhos gastarem, e deixar para viver quando estiver aposentada e cada um deles formado e casado. Eu não gosto de passar vontade, de deixar de aproveitar cada momento valioso porque eu ainda não sou rica, não tenho uma casa própria e não sei o que o futuro me reserva. Por isso preciso estar previnida, sempre com um pé atrás?

Então minha filha, não se apresse mas também não espere.
Tudo no seu tempo (no tempo do seu coração, de preferência).
Porque a sua hora vai chegar, mais talvez ela demore mais do que o esperado.
E o que você vai ficar fazendo enquanto isso?
Deixando de se casar porque vocês não tem emprego?
Deixando de ter filhos porque vocês não tem tempo e 10 mil para as fraldas e o estudo deles?
Deixando de viajar e conhecer pessoas porque você nem sabe quem é e o que quer da vida?

Por favor, viu, faça alguma coisa já. Nem que o que você fizer não mude em nada a sua hora certa.


2 comentários:

Um sonho a dois disse...

Como diria o poeta: "...quem sabe faz a hora, não espera acontecer..."
Bjcas, bom resto de quinta.

Paula Oliveira disse...

Deu até vontade de imprimir isso e color no meu mural.